A Volkswagen e a HP, maior fabricante de computadores do mundo, trabalham para integrar a impressão 3D na fabricação de veículos. Para isso, a HP lançou a “Metal Jet”, máquina que fará a impressão de pequenos componentes para a montadora alemã.

Como funciona

Diferentemente das impressoras 3D tradicionais, a Metal Jet utiliza um processo adicional, onde cada peça é produzida por camadas, utilizando material em pó e um aglutinante. O componente é então “assado” em um aparato metálico, no processo que é chamado de sinterização.

Esse processo é mais vantajoso por ser mais econômico e por aumentar a produtividade em mais de 50 vezes se comparado com outros métodos de impressão 3D. Sendo assim, a Volkswagen afirma que a impressão em massa de componentes metálicos 3D tornou-se realidade na indústria automotiva.

A britânica GKN, que faz mais de 3 bilhões de componentes por ano, é quem está provendo o serviço para a Volkswagen. Ao todo, são esperados que milhões de produtos sejam entregues pelo processo até o final do ano que vem.

metal jet peça impressão 3d
Por enquanto…

À princípio, apenas pequenos itens cosméticos serão utilizados por meio da impressão 3D, como chaveiros de carros personalizados.

Por enquanto, outros métodos de produção ainda permanecem mais fáceis e econômicos. Mesmo assim, o panorama deve se inverter em breve. Produtos mais vitais para a estruturas dos veículos devem ser impressos através do processo em dois ou três anos, de acordo com a montadora.

Compartilhe

Comentários