Você sabe qual foi o automóvel pioneiro acompanhado da sigla GTI? Muitos pensam que o primeiro carro GTI foi o Volkswagen Golf, muito promovido por conta desse tipo de tecnologia, pouco vista na época do seu lançamento. Só que a origem vem de outro modelo, mais precisamente o Maserati 3500.

O modelo da marca italiana foi o primeiro carro a introduzir essa sigla GTI no mercado automotivo, em 1960. Naquele ano, a Maserati apresentou o 3500 GTI no Salão de Genebra, na Suíça. O carro contava com um motor de 3,5 litros e era alimentado por um sistema de injeção eletrônica – fabricado pela inglesa Lucas Industries – invés de um carburador. A potência do pioneiro era de 235 CV e 5.500 rpm.

Previous Image
Next Image

info heading

info content

A sigla GTI significava Gran Turismo Iniezione. A tradução do italiano para o português é Grã-Turismo Injeção. Literalmente, a palavra Gran Turismoé utilizada para “grandes viagens”, e os carros assim chamados são feitos para trajetos longos, além desse veículo ter a capacidade de dar conforto ao motorista, com a união de espaço de bagagem e performance. O “I” é a injeção , o sistema de alimentação de combustível por injetores. Como a tecnologia virou um padrão na indústria, o “I” agora é  conhecido como “Internacional”.

Carros GTI que fizeram muito sucesso

O Volkswagen Golf GTi foi o modelo que marcou a sigla, mas o automóvel alemão foi lançado 16 anos depois do italiano, em 1976. O sistema de injeção eletrônica do carro era K-Jetronic, desenvolvido pela alemã Bosch.

Outro GTI que virou ícone foi o Peugeot 205, lançado em 1984. O modelo da montadora francesa fez sucesso e foi eleito “o carro da década de 80” pela revista inglesa Car, que o colocou no topo do ranking em uma disputa com o Volkswagen Golf GTi, Ford Escort RS e Opel Astra GTE.

Comentários