De um modo bem direto, o mailing é o mais atual substituto da famosa agenda. É nele que você salva os dados de seus clientes e fornecedores para enviar notícias e novidades sobre a sua loja e seus produtos.

Ter em dia e saber como usar o mailing é indispensável para qualquer vendedor. Descubra mais sobre essa palavra que ronda os departamentos de marketing das empresas:

De onde vem?

Mailing corresponde, em inglês, a ação de enviar e-mails. O modo como usamos palavra vem, na verdade, de uma abreviação de mailing list, que significa, em tradução literal, “lista de correio”.

Portanto, o mailing é um banco de dados valioso para quem trabalha com propaganda e marketing. É ali que ficam reunidos os nomes, endereços e outros dados adicionais de consumidores e prospects (consumidores em potencial).

Para que serve?

São muitas as utilidades para um mailing. Pode-se dizer que existem as funções tradicionais, como encontrar o contato de um cliente para avisar que um produto chegou, como pode ir muito além.

Hoje, é uma ferramenta usada para realização do que se conhece por marketing direto. É por meio dele que as empresas conseguem manter o relacionamento direto e contínuo com seus consumidores, que recebem, periodicamente, informações e comunicados de novas promoções.

mão de homem mexendo em um computador, representando a importância do mailing

Como usar o mailing?

Primeiro pense no seu cliente. O que ele gostaria de receber? A seguir, prepare um e-mail marketing com os conteúdos que deseja entregar. Colete todos os contatos que interessam no mailing e dispare.

Para enviá-los, você pode usar o e-mail da loja, que deve suportar o envio para uma quantidade limite de usuários. Caso sejam muitos os e-mails, e esperamos que seja, você pode buscar por ferramentas criadas exclusivamente para isso. O MailChimp, por exemplo, é fácil de usar e permite o envio de até 12 mil e-mails por mês.

Compartilhe

Comentários