Cuidar de suas finanças pessoais é muito mais fácil do que a maioria das pessoas imaginam. Assim como em uma doença, o segredo é tratá-la antes que cresça e se transforme em uma infecção geral.

Muitas pessoas não prestam atenção nos pequenos sintomas, nas pequenas coisas do dia a dia que fazem toda a diferença na sua saúde financeira. Cortar os pequenos gastos é o primeiro passo para se livrar de uma situação desagradável.

Para identificá-los, alimente uma planilha com os gastos diários, assim fica mais fácil queimar as gorduras desnecessárias em seu orçamento.

remedio_saude2

Outro tratamento para curar esse diagnóstico é olhar para o outro lado da balança, as receitas. A maioria dos vendedores tem grande parte de seu salário variável, ou seja, sujeito a comissões e bônus por vendas. Isso faz com que o planejamento de receitas futuras se torne difícil, mas possível.

O jeito é aumentar a receita. O indicado é fazer aplicações em doses de 75% do que restou de lucro no mês. Saiu no zero a zero ou no prejuízo? Acontece, mas procure outras fontes para complementar a renda como bicos, freelancers ou até horas-extras.

Enfim, cuidar da sua saúde financeira não existe pílula milagrosa, e sim um tratamento diário e efetivo.

Compartilhe

Comentários